Notícias

Voltar para Notícias
22/08/2019

HST implanta Musicoterapia no atendimento de pacientes

HST implanta Musicoterapia no atendimento de pacientes

O Hospital Santa Teresinha implantou uma nova técnica terapêutica para auxiliar no atendimento dos pacientes do Centro Materno Infantil: a Musicoterapia.

 

A técnica terapêutica utiliza a música num contexto de tratamento, reabilitação e prevenção de problemas de saúde, além de promover o bem-estar do paciente. Inicialmente, a prática está sendo realizada durante os procedimentos na Pediatria, sendo eles evasivos ou não, e na hora do banho dos recém-nascidos da Maternidade do HST. “A técnica tem como objetivo auxiliar no tratamento como um todo, acalmando as crianças e seus familiares durante momentos mais delicados e relaxando os bebês recém-nascidos nos primeiros banhos”, explica a subgerente de enfermagem, Morgana Del Canalle. “A música acalma e contribui para eficácia do procedimento, o paciente acompanha e participa de todo processo ativamente”, completa a gerente de enfermagem do HST, Mônica Ferreira. 

 

A Musicoterapia pode ser utilizada em qualquer área onde exista demanda, seja promovendo saúde, reabilitando e atuando como medida de prevenção ou, simplesmente, para melhora da qualidade de vida. “São técnicas como esta que contribuem diretamente com a humanização do atendimento e que fazem a diferença no momento de internação do paciente que já se encontra em uma situação vulnerável de saúde”, salienta o diretor-geral, Vitor Abitante.

 

Transparência e humanização tem sido importantes pilares na condução dos serviços prestados pelo Hospital Santa Teresinha. Paralelamente a isso, a instituição tem investido na melhora da sua estrutura física e na aquisição de novos equipamentos. “O atendimento na área da saúde requer empenho e dedicação em todas as suas frentes de trabalho, desde a chegada do paciente da unidade, sempre priorizando o ser humano, até a limpeza, qualidade na estrutura, oferta de exames e serviços, equipe capacitada e corpo clínico conceituado. É nessas e outras questões que a diretoria do Hospital Santa Teresinha tem se dedicado”, enfatiza o presidente do HST, o advogado Pedro Michels Neto.